20 de janeiro de 2012

A revista Maxim - que substitui a Maxmen, na sua primeira versão portuguesa - regressa às bancas no próximo dia 27 de Janeiro. A publicação tem uma nova editora - Centaurus Publicações - e nova equipa. José Diogo Quintela, Rui Santos, Ana Markl ou Chakall são alguns dos comentadores contratados.
A revista terá um preço de capa de 3,5 euros e uma tiragem média de 40 mil exemplares. À semelhança do que o Diário Económico já tinha avançado, a compra dos direitos de licenciamento do título do grupo norte-americano Alpha Media, significa um investimento inicial de 400 mil euros.
Ainda não é conhecida a protagonista da capa, mas segundo assumiu hoje o administrador Ximenes Abreu, será alguém "irreverente" e que nunca se despiu para uma revista.
O público-alvo da revista são homens e mulheres entre os 21 e os 45 anos. A publicação conta com o lançamento de uma produção de Capa, com 10 páginas, e que que mostrará uma personalidade feminina de "algum relevo" no País, explicaram os responsáveis. Terá ainda duas reportagens por edição, entrevistas a personalidades nacionais e internacionais, além da secção Circus Maximus, "em que se dará a conhecer, entre outros, uma beldade emergente no panorama nacional", admitem. Terá ainda áreas de moda, tecnologia e turismo ou lifestyle.

0 comentários:

Com tecnologia do Blogger.

Follow Me